Caldas Novas – Sesc Goiás, Pontos Turísticos e Parques Aquáticos A Cidade das Águas Quentes

Vamos começar nossas aventuras então! Primeiro post falando sobre nossas viagens e vamos falar de Caldas Novas, no estado de Goiás.

Visitamos Caldas Novas em agosto de 2015 e ficamos 5 noites. Em goiás é quente o ano inteiro rs, mas tem alguns meses que são ainda mais quentes, de junho a setembro, que o tempo fica mais seco. Sempre indicam visitar Caldas em Maio, por chover pouco e dar uma amenizada no calor e não ser época de férias escolares. Evitar os meses de janeiro, dezembro e setembro.

Tudo o que você precisa saber sobre a cidade. Os pontos turísticos para visitar na cidade. Opções de hotéis para se hospedar e um review do Sesc Goiás, que foi onde nós ficamos. Transporte até a cidade e dentro da cidade. Restaurantes e comidas típicas que você precisa experimentar.

Porque Caldas Novas é famosa?

Localizada na região Centro-Oeste, com um clima bem tropical, a cidade é alvo de um grande número de turistas por causa de suas famosas águas termais. Muitos dizem que a água quente possui efeito medicinal, curando as dores, principalmente de quem sofre de osteoporose, artrites, etc. Isso atrai uma grande quantidade de pessoas de idade, que vão buscar descanso e lazer no sossego de Caldas.

Voando até lá

Compramos as passagens com alguns meses de antecedência e como íamos ficar no Sesc não nos preocupamos em reservar passeios nem nada. O aeroporto de Caldas Novas só funciona as quintas e domingos, então se programem com ida e volta nesses dias, e reservem o hotel com as datas certas também.

Os preços das passagens são um pouco salgados mas procurando bem, seguindo algumas dicas de como comprar passagens baratas e usando seus programas de milhagem com certeza é possível dar uma economizada.

Voamos com a companhia Azul, saindo de Campinas, e o voo durou aproximadamente 2h e 40m. A aeronave era pequena até porque o voo é nacional, e nesses tipos de voo os aviões costumam ser os menores mesmo. Como nossa viagem foi fora do período de férias então metade dos passageiros eram bebês e crianças fora de idade escolar kkkkkk, famílias indo viajar. E a outra metade eram idosos e casais indo curtir.

Ao chegar no aeroporto, pegamos um táxi até o Sesc. Lá os táxis tem tarifa fixa, o preço varia dependendo do destino, mas é sempre fixo. Por exemplo se você for ao centro da cidade, Sesc ou arredores, a taxa sempre será a mesma, mas aumenta se você for para distritos vizinhos. Na época pagamos R$30,00, hoje com a inflação e a crise com certeza já aumentou.

Sesc Goiás

Em 15 minutinhos chegamos ao Sesc Caldas Novas. Fizemos o check-in e pegamos nossos cartões de consumo. Você coloca crédito nesses cartões e usa para comprar nas lojinhas, cafés e restaurantes dentro do Sesc, assim não precisa ficar carregando cartão de crédito ou dinheiro.

Os preços das diárias são extremamente em conta se comparados com outros hotéis na cidade. Ficamos 5 noites e gastamos R$750,00 sendo 50% do valor de entrada para reserva do quarto e 50% no check-in. Isso com todas as refeições inclusas!

Para cada tipo de acomodação há um valor que pode ser consultado no site também.

Acomodações

Adoramos o Sesc! O complexo possui quatro prédios:
– Anhanguera (capacidade máxima para 4 pessoas)
– Bambuí (capacidade máxima para 5 pessoas)
– Wilton Honorato Rodrigues (capacidade máxima para 3 pessoas) –> Ficamos nesse!
– Oswaldo Kilzer (capacidade máxima para 4 pessoas)

Todos com ótimas acomodações, camas e banheiro privativo. Nosso quarto tinha vista para o lago, que fica dentro do Sesc mesmo, lindo.

Refeições

Lá é regime de pensão completa, ou seja, café, almoço e jantar inclusos. Todas as refeições são servidas no refeitório e cada dia um cardápio diferente. Eles costumam fazer pequenos eventos, como noite de comida goiana, com comidas típicas da região, ou noite de caldos, com variados caldos sendo servidos.

O café da manhã era aguardado ansiosamente rs. Com muita variedade entre bolos, pães, frios, condimentos, sucos, café e cereais. Tudo a vontade, disposto em bancadas para self service.

No almoço e janta só não estava inclusa a bebida. Tem duas máquinas de bebidas em lata dentro do refeitório para os hóspedes comprarem suco e refrigerante. Mas também tem bebedouro para quem não ligar de fazer a refeição acompanhada de um copo de água.

Os horários das refeições são:

  • Café da manhã – 7h às 10h
  • Almoço – 12h às 15h
  • Jantar – 18:30h às 20:30h

Infraestrutura

Tem um parque aquático em cada ponta do complexo. Sendo o primeiro bem maior, com 7 piscinas, e onde ficam localizados os tobogãs. As saunas ficam desse lado do complexo também. Ficamos mais do lado oposto, com poucas piscinas e consequentemente uma quantidade bem menor de turistas rs.

São duas lanchonetes, uma ao lado de cada parque, em que você pode pedir (comprar) porções e bebidas na beira das piscinas o dia todo. Então imagina só né, era acordar e tomar café. Depois ficar na piscina até a hora do almoço, comer e tirar uma soneca. Ai descer e tomar um cafézinho e ficar mais um pouco na piscina. No fim da tarde fazer uma caminhada pelo lago e curtir a paisagem e silêncio longe das piscinas. A noite um jantar mais leve e outro cafézinho para ajudar na digestão. Socializar um pouco nas áreas comuns do complexo e depois subir com o amore, dormir sem preocupações e começar mais um dia de curtição.

Além dos 2 Parques aquáticos adulto/infantil com 8 piscinas termais (variando de 35 a 41ºC) e 3 de água fria, o complexo ainda possui: 1 Piscina com rampa aquática; 1 piscina com toboágua e kamitube; 3 Lanchonetes; Cafeteria; 1 Quadra poliesportiva; 2 Campos de Futebol Soçaite; 1 Quadra de Areia (Vôlei, futsal e futevôlei); Espaço Infantil – Parque Aquático Araxá; Playground; Espaço Cultural – 1ª Casa de Caldas Novas; Lago artificial; Pista de Cooper (1.200m); Trilha Ecológica (1.000m); Capela Ecumênica; Sala para ginástica com aparelhos; Estacionamento gratuito para hóspedes; Sala de Leitura; Central de Atendimentos; Biblioteca; 2 Saunas, sendo uma a vapor e a outra natural; Salão de Jogos; 1 Quadra de Tênis; Ginásio de Esportes; 1 Quadra de Peteca; 1 Restaurante com dois salões; Anfiteatro com capacidade para 316 pessoas; 3 salas de reunião; Sala de TV.

Uff, é muita coisa que tem lá que nem dá tempo de visitar tudo dependendo da quantidade de dias que você for ficar. Vale muito a pena, super recomendamos!

Pontos Turísticos

A cidade não é muito grande e seu forte são os hotéis e parques aquáticos que oferecem as piscinas de água quente.

O Sesc tem parceria com uma companhia de turismo da cidade, e alguns dias por semana eles planejam passeios para diferentes lugares. Você só precisa se inscrever, de preferência alguns dias antes porque as vagas são preenchidas rapidamente. Eles cobram pequenos preços, coisa de R$10,00 a R$15,00 e então guias turísticos, munidos de trenzinhos, vão buscar a galera no Sesc para fazer o passeio.

Fomos em um passeio que passou pelos principais pontos turísticos da cidade. O roteiro que fizemos foi:

Jardim japonês

Este slideshow necessita de JavaScript.

Um lindo jardim com decorações japonesas, um lago com muitos peixes e uma ponte onde você pode tirar fotos. A entrada custa R$10,00 por pessoa e você permanece de 20 a 30 minutos lá. O próprio jardim tem uma equipe de agentes de turismo que tiram fotos de cada visitante e oferecem para você comprar no final do passeio.

É bem tranquilo e relaxante caminhar pelo jardim. Conhecer um pouco de sua origem contada por um dos agentes, ser guiado por uma trilha enquanto ele explica algumas coisas sobre, e depois tem um tempo livre para explorar.

Aeroporto

Se você  desembarcou no aeroporto de Caldas Novas assim como nós, então já conheceu o pequeno lugar. Muitos geralmente não reparam na primeira vez mas no teto do aeroporto tem um Modelo 14 Bis em tamanho real pendurado, muito legal.

Casarão

O Casarão dos Gonzaga foi uma das primeiras casas de Caldas Novas e hoje é considerado patrimônio histórico da cidade. A entrada para visitação é franca e lá você encontra uma feirinha com comidas e doces tradicionais a venda, roupas e artesanatos, e até um pequeno baile de forró onde os visitantes se aventuram a uma dancinha.

Você pode visitar o Casarão das 09:00 as 21:00 hs de segunda a domingo.

Santuário Santa Sallete

Um local muito visitado em Caldas. As pessoas vão até lá para pedir bençãos e proteção aos familiares. Santa Sallete fez sua primeira aparição em 19 de setembro de 1846 para duas crianças que cuidavam de seu rebanho em La Sallete, na França.

O caminho todo é uma subida até chegar ao local onde são celebradas as missas. No caminho passamos pela imagem da santa e escutamos a história de Sallete seguida de uma oração. Depois continuamos por um caminho íngreme até as arquibancadas, e por fim retornamos pelo outro lado do santuário.

Logo na entrada tem uma lojinha onde você pode comprar lembrancinhas da Santa, como camisetas, medalhas, terços e outros.

Empadão Goiano da Tânia

Um restaurante especializado em empadas tradicionais goianas. Experimentamos a de frango e realmente é muito boa. Tem inúmeros sabores para você escolher e depois de muitas horas de passeio, nada como sentar e apreciar uma boa comida.

Fica bem no centro da cidade e já bem perto do Sesc, fácil de chegar.

Monumento das Águas

Não paramos no Monumento no passeio com o trenzinho mas é um dos pontos mais famosos da cidade, fica logo na entrada de Caldas Novas. Todos param para tirar uma foto de férias e apreciar a beleza das águas. Ponto marcante e usado como cartão postal.

Parques Aquáticos

Em Caldas Novas o que não falta são parques aquáticos. Na maioria você pode se hospedar no hotel do parque e curtir. Alguns do mais conhecidos e sempre lotados são:

  • diRoma Acqua Park – somente parque. Possui muitas atrações e brinquedos, restaurantes para as refeições e lojinhas para comprar lembrancinhas e souvenires.
  • Parque das Fontes e Hot Park – Localizado a 31 KM de Caldas Novas, possui hotéis e e pousadas e é dividido em dois: o Parque das Fontes, mais tranquilo com lugares para relaxar e bar molhado; e o Hot Park, que é para quem gosta de coisas mais radicais, com toboáguas e corredeiras.

  • Privé Diversão – complexo que possui 3 parques aquáticos sendo eles: Nautico Praia Clube, Clube Privé e Water Park. A rede de hotéis Privé é uma das maiores de Caldas Novas e conta com 3 hotéis que dão acesso exclusivo para os parque aos hóspedes.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O que não falta é diversão em Caldas Novas. Planeje sua viagem também usando essas dicas e melhor ainda, aprenda como gastar menos com nossas 20 dicas para comprar passagens baratas.

<!–Mais uma dica especial, um ebook gratuito >>> 10 Passos Para Realizar a Viagem dos Sonhos.–>

Gostaram? Acompanhem mais das nossas aventuras, dicas e futuros destinos na nossa página no Facebook e Twitter.

Caldas Novas – Sesc Goiás, Pontos Turísticos e Parques Aquáticos A Cidade das Águas Quentes
Avalie o artigo!

Fernanda Oliveira

Nerd computeira descobrindo o outro lado da vida com o amore + nerd e computeiro. Em busca de sonhos e viajar o mundo todo.

Website: http://casaroucomprarumcachorro.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *